fbpx

Retrospectiva 2020: tudo o que rolou na Casa neste ano

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

 

2020 foi um ano muito desafiador. Em março, tivemos que adiar, por tempo indeterminado, todos os shows presenciais que já tínhamos agendado para este ano. Comemoramos nossos três anos longe do nosso lugar preferido: o palco da Casa. 

Nesses últimos meses, apesar da distância, a música continuou sendo o nosso lugar de encontro e de trocas. Refletir sobre a cultura como a ponte para a construção de um futuro mais bonito nunca foi tão relevante. Por isso, nos mantivemos na ativa: com lives de shows e conversas, divulgação de conteúdos nos canais de comunicação e de novos projetos online, sempre nos reinventando para continuarmos conectados e conectando públicos a artistas. Exploramos novos formatos, descobrimos novas plataformas e adentramos em novos territórios, sem perder a nossa essência: a de celebrar a música, buscando a construção de uma sociedade mais diversa, inclusiva e sustentável.

Foi duro, foi puxado, mas trabalhamos bastante e conseguimos fazer um ano muito bonito. E ainda fomos reconhecidos com o Selo Municipal de Direitos Humanos e Diversidade 2020 da Prefeitura de São Paulo, por nossa preocupação constante com a diversidade e inclusão pela nossa curadoria artística e conteúdos comunicação digital. Ficamos bastantes orgulhoses 😉

Fizemos essa retrospectiva para relembrarmos nossos momentos de 2020, que só foram possíveis em virtude do poder acolhedor da música e, claro, por causa de cada um de vocês.

Obrigade por seguirem com a gente. A companhia de vocês foi fundamental.

Em 2021, voltamos: com mais gás e mais força! Boas festas e até já <3

 

 

2020 na Casa

Abrimos o ano com a programação VERÃO 2020. Promovemos 25 shows, com quase 20 mil pessoas circulando pela Casa até março. Deu tempo de trazer noites incríveis pro nosso palco, como a de lançamento do mini-doc Fervo, com show das Baías convidando Liniker e Tássia Reis no Dia da Visibilidade Trans.

Nosso pré-carnaval bombou com os principais blocos de São Paulo. E também tivemos shows dos  Bloco Ilú Obá de Min, Alessandra Leão, três noites de Maria Rita, Céu, Mariene de Castro, Johnny Hooker e mais. (Bateu uma saudade forte de um show agora!)

 

 

+ Sala da Casa

 

Com a chegada da pandemia e a impossibilidade de nos reunirmos na nossa Casa, começamos a pensar em alternativas para continuarmos conectados à nossa comunidade. Assim surgiu o Sala da Casa: o nosso projeto de lives musicais que levou um pedacinho do nosso palco para a casa de cada um de vocês nesses dez últimos meses, pelo nosso Instagram. 

Foram 103 lives, com performances intimistas e acolhedoras, como se os artistas estivessem de fato recebendo seu público na sala de casa. A curadoria do Sala da Casa focou em lives de artistas independentes e/ou em começo de carreira, os mais afetados pelo adiamento dos shows, já que muitos desses músicos e cantores dependiam exclusivamente da performance ao vivo para se sustentar e prover toda a rede de trabalhadores que os acompanha. 

Passaram pela nossa programação músicos e cantores de todas as regiões do Brasil, além de artistas estrangeiros, o que aumentou o nosso contato com públicos de diferentes estados e regiões e até de outros países.

Com o intuito de fortalecer a rede de festivais independentes pelo Brasil, que também foram duramente afetados pela pandemia este ano, recebemos 15 lives do Sala da Casa com a assinatura de alguns dos festivais mais relevantes e potentes do país, como o Rec Beat (PE), o Festival Timbre (MG) e o Se Rasgum (BA). 

E o melhor de tudo isso foi contar com a presença dos frequentadores da Casa e de novos públicos possibilitados pelo alcance virtual. A audiência total do Sala da Casa foi de aproximadamente 200 mil visualizações: ou seja, uma média de 2 mil pessoas assistiram às nossas lives ao vivo ou depois, no IGTV. 

Se você perdeu as lives do Sala da Casa ou gostaria de rever, pode acessá-las a qualquer momento no nosso IGTV. Também montamos uma playlist com todos os artistas que participaram do projeto. Ouça no Spotify, Deezer ou YouTube Music — e quem sabe você não descobre o seu novo artista favorito na nossa playlist? 😉 

 

+ Afetos: conversas de camarim

Um dos destaques da programação da Casa Natura Musical em 2020 foi o Afetos, nosso projeto de encontros que misturam intimidade, conversa e música. Todas as quintas-feiras, dois convidados se encontraram no nosso Instagram para compartilhar histórias e lembranças, falar de música, de arte e de cultura, tudo com muito carinho, para quem assistir se sentir parte da conversa. Foram 33 lives com 66 artistas, pesquisadores, produtores e ativistas que debateram temas como a cura pela natureza (Perfeito Fortuna e Ailton Krenak), orgulho e resistência LGBTQ+ (Renan Quinalha e Renata Carvalho), representatividade para mulheres pretas (Margareth Menezes e Larissa Luz), Amazônia Viva (Angela Mendes e Sônia Guajajara), visibilidade lésbica (Laina Crisóstomo e Marina Ganzarolli), além do mês de novembro e dezembro inteiros de conversas dedicadas ao tema da Consciência Negra.  Se você perdeu as lives do projeto Afetos, pode ver e rever quando quiser no nosso IGTV

 

+ Lives especiais

Além dos nossos projetos de lives fixos (Sala da Casa e Afetos), também nos aventuramos a fazer quatro temporadas de lives com temáticas especiais: 

 

Especial Dona Ivone Lara | 13.04

No aniversário de 98 anos de uma das maiores compositoras do Brasil, preparamos um dia com três lives, destrinchando as várias faces e fases da vida e da obra da Primeira Dama do Samba. O especial contou com as participações dos sambistas Teresa Cristina e Pretinho da Serrinha e da filósofa Djamila Ribeiro. As lives foram mediadas pelo jornalista Lucas Nobile, biógrafo de Dona Ivone. Você pode ler a entrevista que fizemos com Nobile aqui.

 

Dia do Choro | 23.04 

Comemoramos o Dia do Choro com uma série de três lives especiais no nosso Instagram dedicadas àquele que é considerado o primeiro gênero de música urbana tipicamente brasileira. Participaram os músicos Hamilton de Holanda e Nilze Carvalho e o saudoso crítico Zuza Homem de Mello, que infelizmente faleceu neste ano. Todas as lives contaram com mediação do jornalista Lucas Nobile. As lives renderam uma playlist especial só sobre choro, do século 19 ao século 21, acesse aqui.

 

Semana da Língua Portuguesa | 05.05 a 08.05

Na semana da Língua Portuguesa e da Cultura Lusófona, promovemos quatro lives especiais, com participações de artistas e jornalistas brasileiros, cabo-verdianos, moçambicanos e portugueses sobre as aproximações e as distâncias entre os povos que compartilham a última flor do Lácio como língua oficial. Entre os participantes estavam a jornalista brasileira Fabi Pereira, a rapper portuguesa Capicua e a cantora moçambicana Selma Uamusse. A semana também deu origem a uma playlist celebrando a lusofonia na música. Acesse aqui.

 

Semana da África | 25.05 a 29.05

Na semana do Dia da África (25), dedicamos quatro lives com assuntos ligados ao continente. Convidamos artistas, historiadores e curadores, africanos e afrobrasileiros, para conversarem sobre a diáspora africana no Brasil e as suas influências, ancestrais e modernas, na nossa identidade. Entre os participantes, estavam Mariene de Castro, Lenna Bahule, Mayra Andrade e Ademafia.

 

Pajuball em Casa | 27.06 e 24.07

Em parceria com dois dos principais movimentadores da cena ballroom em São Paulo, Félix Pimenta e Flip Couto (Coletivo Amem), produzimos a Pajuball Em Casa: uma série de lives com conversas sobre o movimento ballroom no Brasil, além de batalhas de MCs e uma festa voguing online que teve sua venda de ingresso revertida ao projeto  #AmemEmCasa, criado pelo Coletivo AMEM para ajudar pessoas negras LGBTQ+ em tempos de isolamento social.

As lives deram origem a um vídeo especial que fizemos, contando a história do movimento, sua chegada ao Brasil e seus desdobramentos. Acesse no nosso YouTube:

 

 

20 anos sem Baden | 26.09

No dia 26 de setembro deste ano, fez 20 anos que Baden Powell, um dos maiores violonistas brasileiro de todos os tempos, nos deixou. Nesta data, a Casa Natura Musical se uniu ao movimento #20AnosSemBaden convidando os filhos do artista, Marcel e Philippe Powell, que também são instrumentistas e compositores, para uma live especial em homenagem a Baden Powell. A gravação está disponível no Instagram da Casa Natura Musical. Assista aqui.

 

+ Novos territórios

 

Seguindo a Canção

Como já diziam Caetano e Gil, é preciso estar atento e forte. Para fortalecer ainda mais a nossa música brasileira, neste ano a Casa se uniu à Faculdade Descomplica, maior plataforma online de educação do Brasil, para promover encontros musicais destinados ao público estudante. Esta parceria surgiu pois acreditamos na música e na educação como potentes agentes aliados da transformação social, capazes de ampliar repertórios e capacitar novos olhares. A primeira temporada contou com cinco diálogos cheios de música, entre Leci Brandão e MC Tha, Liniker e Zélia Duncan, KL Jay e MC Carol, Xande de Pilares e Tássia Reis e Letrux e Chico César. Assista a todos os episódios no nosso YouTube:

 

 

Mini Docs

Para desbravar outros territórios estreamos na TV. Em parceria com a Zoe Films, nosso palco foi cenário da quarta temporada da série musical MINIDocs, que contou com a nossa curadoria, promovendo entrevistas e sessions de artistas como Tim Bernardes, Doralyce, Alice Caymmi, Rico Dalasam e Maria Beraldo. Os onze episódios no palco da Casa foram transmitidos pelo canal Arte1 e serão exibidos em breve também na TV Cultura — os melhores momentos da série MINIDocs estão disponíveis no Youtube da Casa e do canal MINIDocs, caso tenha perdido ou queira rever:

 

 

Casa Indica + CBN

Também nos unimos à rádio CBN para a série de lives Casa Indica + CBN, produzindo uma programação híbrida que misturou shows e entrevistas com artistas da nova cena musical brasileira falando sobre seus últimos lançamentos. Participaram das lives a cantora Illy, com o disco “Te Adorando Pelo Avesso – Homenagem a Elis Regina”, Mahmundi com “Mundo Novo”, Rico Dalasam com “DDGA” e Hamilton de Holanda com “Canto da Praya”. 

 

Nosso palco, um estúdio

 

 

WME RMX Conference (18, 19 e 20.09)

Este ano sediamos a primeira WME Conference RMX, a versão híbrida do evento anual dedicado às mulheres na indústria musical promovido pela Women’s Music Event. Com painéis, oficinas e show das Baías, Céu, Xênia França, entre outras artistas. O evento aconteceu nos dias 18, 19 e 20 de setembro, com as lives desta parceria transmitidas do nosso palco.

 

Feira Preta | 20.11 a 10.12

Também fomos palco para a 19ª edição da Feira Preta, que este ano aconteceu num formato 100% digital. Com o tema “Existe um Futuro Preto”, a feira realizou oficinas sobre empreendedorismo preto, workshops, conversas sobre racismo e representatividade negra e shows com artistas pretos. A Feira teve o nosso apoio e toda a programação de música foi transmitida diretamente da Casa Natura Musical. Você pode assistir às lives no YouTube da Feira Preta:

 

 

Edital Natura Musical 2020 | 10.12

Para fechar o ano, a Casa recebeu uma live mais do que especial, que anunciou os projetos e artistas selecionados pelo Edital Natura Musical 2020. A noite foi transmitida no YouTube da Natura Musical e contou com show do Emicida e conversas inspiradoras com os convidados Gilberto Gil e Ailton Krenak. Assista:

 

 

+YouTube

 

Com a Palavra: gente que faz a diferença

Neste ano também estreamos o canal do YouTube e criamos a nossa primeira web série, o Com a Palavra: gente que faz a diferença, em que a gente convidou artistas, escritores e criadores de conteúdo independentes para falar sobre seus trabalhos dedicados à transformação da nossa comunidade. Conversamos com gente como a empresária e ativista Monique Evelle, o artista visual Toni Baptiste, do Coletivo Coletores e muito mais. Assista:

 

 

Já Ouviu: Queernejo

Também estreamos a seção #JáOuviu?, em que a gente conta um pouco mais sobre novas cenas musicais pelo Brasil afora. No primeiro episódio, falamos sobre o Queernejo, subgênero de artistas LGBTQ+ que cantam sertanejo. Convidamos Gabeu, Galí Galó e Alice Marcone, três representantes do Queernejo, para falar sobre o surgimento desta cena e refletir sobre a LGBTfobia no meio sertanejo.

 

 

+ Conteúdo

 

Capa do Disco

Também lançamos no nosso Instagram o #CapaDoDisco, uma seção semanal destrinchando as capas de álbuns históricos e/ou contemporâneos da música brasileira. Contamos as histórias por trás de 33 capas, incluindo o Índia (1972), da Gal Costa, do disco novo da Luedji Luna Bom Mesmo É Estar Debaixo D’Água, de AmarElo (2019), do Emicida, e o Sobrevivendo no Inferno, dos Racionais MC’s. Para ler todos, clique aqui

 

GIRO

Criamos também a editoria GIRO como um canal de dicas e divulgação de iniciativas empreendedoras dentro do mundo da música. Nele, falamos sobre o Brasil Grime Show, o portal Embrazado, os festivais Balaclava Digital e Imune, o portal Radio Color entre outras iniciativas interessantes. Acesse o nosso Instagram para ler todos os GIROS aqui. 

 

 

 

Queremos agradecer 

 

Nestes 3 anos de Casa Natura Musical sempre tivemos o compromisso de trazer para o nosso palco e compartilhar com vocês o que existe de mais diverso, inovador e relevante na nossa música brasileira.

Em 2021, desejamos que esta enorme transformação que a cultura do mundo todo teve que passar em 2020 possa ser aproveitada positivamente, como uma forma de amplificar os nossos sonhos e nos levar a vislumbrar novos futuros possíveis.

Como disse Emicida, é tudo pra ontem! Acreditamos que podemos transformar nosso futuro fazendo um presente melhor. Em 2021 teremos novos desafios para superar, mas queremos ampliar o nosso compromisso de trazer para a nossa Casa ainda mais momentos que mostrem que estamos sempre unidos, seja no palco ou na live.

E é assim que queremos começar o ano, com a mão na massa para construir aqui e agora perspectivas mais prósperas do que está por vir, confiando no que acreditamos: no poder das diferentes identidades, sons e jeitos de viver para criar laços e transformar a nossa realidade através da música e da arte, para que todes, indistintamente, possamos alcançar os nossos anseios. Obrigade por seguir com a gente! 

Gostou da nossa retrospectiva? Quer fazer algum comentário, crítica ou sugestão? Escreva pra gente: contato@casanaturamusical.com.br